Publicado em: 22 de janeiro de 2019

O ministro Ricardo Salles ordenou que todos os órgãos sob sua responsabilidade realizem auditorias em todos os projetos que estão sendo bancados por fundos ligados ao seu ministério

Por Agência Envolverde

Pelo ofício divulgado hoje todos os desembolsos devidos a organizações parceiras do MMA estão suspensos até que sejam realizadas auditorias, mesmo convênios e acordos de cooperação. Nenhum recurso pode ser liberado para organizações sociais sem a anuência do gabinete do ministro.

Nas redes sociais o ato está sendo visto como um golpe sobre para organizações que atuam em projetos nas pontas, ou seja, em regiões distantes, porque elas não terão como se manter e possivelmente terão de abandonar os trabalhos.

Mesmo financiamentos de projetos com recursos do Fundo Amazônia, que é gerido belo BNDES correm riscos, porque o MMA é parte do conselho do fundo, segundo alguns ambientalistas.

O ato está sendo visto como uma retaliação contra organizações sociais dentro da ótica de que vivem às custa de verbas governamentais.

Veja a íntegra do ofício do MMA:

(Foto: Maurício Garcia de Souza – Assembleia Legislativa de São Paulo)