Publicado em: 10 de abril de 2017

Integrantes e parceiro vão celebrar os 15 anos da rede e debater a estratégia para o aumento da ambição das propostas brasileiras no Acordo de Paris

A partir da próxima segunda-feira (10), o Observatório do Clima (OC), a maior rede de entidades da sociedade civil dedicada ao debate do clima no Brasil, reúne suas entidades integrantes e parceiros para a sua assembleia anual, realizada desta vez na cidade de Atalanta (SC).

O encontro, de três dias, vai definir as principais ações do grupo para este ano. Entre elas, a necessidade de propor uma revisão nacional na meta de emissões (NDC), além de celebrar os 15 anos do Observatório do Clima e apontar os próximos desafios.

O OC nasceu em 2002 para posicionar a questão florestal no debate do Protocolo de Kyoto. Em 2009, participou ativamente da Política Nacional de Mudanças Climáticas. Mais recentemente passou a gerar dados com a criação do Sistema de Estimativas de Emissões de Gases de Efeito Estufa, o SEEG, em 2012.

Boa parte das organizações do observatório estará presente no evento, entre elas, a anfitriã Apremavi, que cedeu o Centro Ambiental Jardim das Florestas para sediar encontro. O Centro Ambiental fica a poucos quilômetros do centro de Atalanta, a 200 quilômetros de Florianópolis.

Para marcar o encontro, será realizado um plantio de um bosque comemorativo. As mudas vão celebrar os 15 anos do OC e os 30 anos da Apremavi.

Confirmaram presença representantes das seguintes organizações: 350.ORG, Conservação Internacional / Observatório do Código Florestal, ClimaInfo / Global Strategic Communications Council, Associação de Jovens Engajamundo, Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, Fundación Avina, ICLEI-Governos Locais pela Sustentabilidade, Instituto Centro de Vida – ICV, Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia – Ideiam, Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola – Imaflora, Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia – Imazon, Iniciativa Verde, Instituto Bioatlântica, Instituto Socioambiental, Instituto SOS Pantanal, Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – Ipam, Rede GTA, Fundação SOS Mata Atlântica, Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental – SPVS, World Resources Institute Brasil – WRI Brasil, WWF-Brasil.

Como convidados confirmados estarão Global Call for Climate Action, Gestão de Interesse Público – GiP, Instituto Clima e Sociedade, P&B Comunicação e Uma Gota No Oceano.

Contatos para a imprensa:
Claudio Angelo – 61 9 9825-4783
Luciana Vicária – 11 9 4106-0222

Fonte: Jornal Dia a Dia