Publicado em: 10 de setembro de 2014

direitos_humanos_header - CópiaEstreia nesta quarta-feira (10), às 19h30, a série “+Direitos+Humanos”, novo programa da TV Brasil, em coprodução com a TVT. A série trata de cidadania, diversidade e democracia a partir das experiências singulares de grupos de jovens de todas as regiões do Brasil que defendem os direitos humanos. Cada programa, exibido semanalmente, tem duração de uma hora. A estreia será no dia 10 de setembro, as 19h30.

O programa retratará a experiência de 26 grupos participantes, espalhados por todas as regiões do Brasil e representando diversos segmentos sociais. “Aqui, todos têm voz: mulheres indígenas, negros, travestis, prostitutas, surdos, idosos que contam histórias. O Rural e o Urbano. Centros e Periferias. Caminhos inusitados, propostas originais e ousadas que pouco conhecemos. O essencial é o diálogo criativo entre as diferentes iniciativas que se encontram para conversar”, descreve o material de divulgação do programa.

Entre as ações divulgadas, estão intervenções urbanas com arte e poesia, xadrez para jovens da periferia, jovens indígenas protagonistas de suas histórias, combate ao preconceito contra mães solteiras. Apesar de parecerem histórias distintas na sua luta, a troca de experiência desperta pontos em comum e conversas construtivas e esclarecedoras.

A apresentação é do cineasta Jeferson De e da atriz Sílvia Lourenço. A direção é de Max Alvim e Kiko Goifman. Acompanhe também a página no Facebook.

Serviço:

A partir de 10 de setembro, toda quarta-feira, às 19h30 com reprise aos sábados, 22h

Transmissão TV Brasil e Rede TVT

Ordem dos episódios:

10/09 – Governos do Corpo. Com Associação de Travestis e Transexuais do Rio Grande do Sul e Casa Ângela, de São Paulo. Banda convidada: Mustache e os Apaches.

17/09 – Comunicação e Migração. Com Oficina de Imagens de Pedra Azul (MG) e Instituto de Reintegração de Refugiados no Brasil. Banda convidada: Quarteto Bonanza.

24/09 – As Esquinas e as Feiras. Com Grupo de Mulheres Prostituas do Pará e Disco Xepa (SP). Cantor convidado: Rincon Sapiência.

01/10 – Adolescentes nas Aldeias e Periferias. Com Jovens Facilitadores de São Paulo e Associação de Jovens Indígenas de Dourados (MS). Banda convidada: Pitanga em pé de amora.

08/10 – Violência e Memória. Com grupo de mulheres Cidadania Feminina e a Frente de Esculacho Popular de São Paulo. Banda Convidada: Zulumbi.

15/10 – Exploração Sexual e Abandono. Com Centro de Defesa da Criança e do Adolescente de Belém e Instituto História Viva. Grupo convidado: Trummer SSA.

22/10 – Intervenção Urbana e Ação no Campo. Com o Coletivo Transverso de Brasília e o Centro de Agricultura Alternativa do Norte de MG. Banda convidada: Ilú Obá de Min.

29/10 – Mulheres Indígenas e Diversidades. Rede de Mulheres Indígenas da ONG Thydewá e Grupo Conexão G (da Fevela da Maré, Rio de Janeiro). Banda convidada: Charles e os Marretas.

05/11 – Educação e Redes de Cidadania. Com os grupos Vila Esperança de Goiás Velho e Saúde e Alegria de Santarém (PA). Cantora convidada: Bárbara Eugênia.

12/11 – Periferia e Participação Popular. Com o grupo de rap Xeque Mate La Misión (Xemalami) de São Paulo e Levante Popular da Juventude de Vitória da Conquista, na Bahia.

19/11 – Mediação de Conflitos e Resistência no Campo. Com a ONG Ação Educativa e a Comissão de Jovens do Polo da Borborema (PB). Banda convidada: Xaxado Novo.

26/11 – Identidades e Territórios. Com a Frente Quilombola e o Coletivo Negração (ambos do Rio Grande do Sul) e o grupo Corposinalizante, de São Paulo. Banda convidada: Vivendo do Ócio

03/12 – Família e Inclusão. Com os grupos Movimento Down (RJ) e Apemas (PE). Banda convidada: Maglore.