Publicado em: 31 de março de 2017

A Delegação da União Europeia lançou o edital “Conservação, uso sustentável e boa governança da biodiversidade em quatro biomas vulneráveis no centro da América do Sul”.

No centro da América do Sul, os ecossistemas das florestas secas Chiquitano e Tucumano, Cerrado, Chaco e no Pantanal no Brasil, Argentina, Paraguai e Bolívia, estão passando por um processo de degradação acelerada devido ao avanço da fronteira agrícola, a desenvolvimento de infra-estrutura e os efeitos das mudanças climáticas.

No entanto, o crescimento da economia local depende muito do setor agroindustrial. Sustentabilidade seria questionável, na ausência de um quadro jurídico e um processo de planejamento que visa promover a conservação e a gestão adequada dos ecossistemas e seus serviços ambientais, nomeadamente as suas fontes de água. Esta é a razão pela qual as três áreas estratégicas prioritárias de intervenção são estabelecidas: (1) a conservação dos ecossistemas e seus serviços, por meio do fortalecimento de áreas protegidas; (2) A promoção e apoio à implementação das melhores práticas por parte do sector privado e das comunidades locais para a produção, as atividades e gestão dos recursos naturais de mineração; (3) o fortalecimento dos mecanismos inclusivos de governança ambiental para permitir o cumprimento das normas apropriadas. A ação deve contribuir para a sustentabilidade do desenvolvimento dinâmico das zonas rurais nesses quatro biomas particularmente vulneráveis e ameaçadas.

O prazo para recebimento de propostas é: 04 de maio de 2017

Orçamento indicativo: € 9,25 milhões

Detalhes do edital pode ser encontrado no link a seguir: https://eeas.europa.eu/delegations/brazil/23328/lancamento-de-edital-conservacao-uso-sustentavel-e-boa-governanca-da-biodiversidade_en

Fonte: Delegação da União Europeia no Brasil