Publicado em: 21 de julho de 2017

Confira o segundo capítulo da série de reportagens sobre os efeitos do veneno no meio ambiente e na saúde das pessoas

Ouça a matéria:

A morte de quatro crianças indígenas Xavantes, da terra Marãiwatséde, em 2014, no Parque Nacional do Xingu, desencadeou na Universidade Federal de Mato Grosso uma pesquisa que investiga a suspeita de intoxicação por agrotóxicos.

O professor Wanderlei Pignati, da UFMT, afirma que os agrotóxicos que poluem os rios do Xingu passam pelo Paraguai e chegam a Buenos Aires, na Argentina. Confira o segundo capítulo da série de reportagens “Envenenados”, da repórter Marilu Cabañas.

(Foto: Marilu Cabañas)

Fonte: Rede Brasil Atual via Brasil de Fato