Publicado em: 23 de agosto de 2019

A sexta-feira (23) começou com atos em quatro capitais europeias contra o descaso ambiental do presidente Jair Bolsonaro

Por Rede Brasil Atual

A omissão do governo Jair Bolsonaro sobre o aumento do desmatamento e do número de queimadas na Amazônia colocará, a partir desta sexta-feira (23), milhares de pessoas nas ruas do Brasil contra a atual política climática. Ao menos 40 cidades possuem manifestações marcadas, além de capitais no exterior.

O dia amanheceu com manifestações pelo mundo. A embaixada do Brasil em Londres ficou cercada pela polícia, enquanto centenas de pessoas protestavam. De acordo com jornalistas, a maioria dos manifestantes não era brasileira.

Em Madri, manifestantes ocuparam a porta da embaixada do Brasil na Espanha. Tentavam entregar uma carta ao embaixador brasileiro, Antonio Simões, pedindo ações imediatas do governo brasileiro. Outros atos foram realizados na embaixada de Berlim, na Alemanha, e no Consulado Brasileiro em Genebra, na Suíça.

Nesta sexta, atos estão programas para ocorrer em dezenas de cidades de todos os estados. Na capital paulista, o protesto começa no Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista, a partir das 18h. No Rio de Janeiro, será na Cinelândia, às 17h.

No sábado (24), estão programadas manifestações em Belo Horizonte, Manaus, Ribeirão Preto-SP, São Carlos-SP, Natal e Porto Velho. Já no domingo (25), protestos devem acontecer no Rio de Janeiro, em Belo Horizonte e em Manaus.  Ainda durante o final de semana, devem acontecer atos em cidade europeias como Londres, Turim, Paris, Madri, Lisboa e Dublin.

A crise na Amazônia fez o presidente da França, Emannuel Macron, convocar via Twitter, nesta quinta (22), os países membros do G7 para discutir as queimadas na Amazônia na cúpula que acontece neste final de semana, em Biarritz, na França. O grupo é composto por Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido, as sete maiores economias do planeta.

Confira a agenda de atos:

ALAGOAS

Maceió: 24 de agosto, às 14h, Orla

AMAZONAS

Manaus: 24 de agosto, às 15h, na Praça do Congresso

BAHIA

Salvador: 23 de agosto, às 14h, em frente ao Elevador Lacerda, no Pelourinho

Arraial D’Ajuda: 25 de agosto, às 15h, na praça da Igreja Nossa Senhora D’Ajuda

CEARÁ

Fortaleza: 24 de agosto, às 14h, Gentilândia

Juazeiro do Norte: 23 de agosto, às 17h, Praça do Giradouro

DISTRITO FEDERAL

Brasília: 23 de agosto, às 17h, na Rodoviária do Plano com marcha para a Esplanada até o Ministério do Meio Ambiente

ESPÍRITO SANTO

Vitória: 23 de agosto, às 15h, Praça do Papa

GOIÁS

Goiânia: 24 de agosto, às 14h, Vaca Brava

MARANHÃO

São Luís: 24 de agosto, às 15h, Praça Deodoro

MATO GROSSO DO SUL

Campo Grande: 24 de agosto, às 13h, avenida Afonso Pena

MATO GROSSO

Cuiabá: 24 de agosto, às 16h, na Praça Alencastro

MINAS GERAIS

Belo Horizonte: 25 de agosto, às 10h, na Praça do Papa

Juiz de Fora: 24 de agosto, às 16h, no Parque Halfeld

Uberlândia: 24 de agosto, às 16h, na Praça Ismene Mendes

Montes Claros: 24 de agosto, às 13h, na Praça Dr. Carlos Versiani

PARÁ

Belém: 24 de agosto, às 8h, na Praça do Congresso

Santarém: 31 de agosto, às 17h, Praça São Sebastião

PARAÍBA

Campina Grande: 25 de agosto, às 10h, na Praça da Bandeira

João Pessoa: 24 de agosto, às 15h, na Praia do Cabo Branco

PARANÁ

Foz do Iguaçu: 24 de agosto, às 15h, avenida Araucária

Curitiba: 23 de agosto, às 17h30, Praça da Mulher Nua

Londrina: 23 de agosto, às 15h, Calçadão de Londrina

PIAUÍ

Teresina: 24 de agosto, às 16h, na Ponte Estaiada

PERNAMBUCO

Recife: 24 de agosto, às 14h, na rua da Aurora

RIO DE JANEIRO

Rio de Janeiro, em duas datas:

23 de agosto, às 17h, na Cinelândia

25 de agosto, às 14h, na Praia de Ipanema

RIO GRANDE DO NORTE

Mossoró: 24 de agosto, às 16h, no Memorial da Resistência

Natal: dia 24 de agosto, às 15h, Midway

RIO GRANDE DO SUL

Porto Alegre: 24 de agosto, às 15h, no Parque Farroupilha

Caxias do Sul: 24 de agosto, às 16, Praça Dante Alighieri

Santa Maria: 25 de agosto, às 16h, na Praça Saldanha Marinho

RONDÔNIA

Porto Velho: 25 de agosto, às 15h, Três Caixas d’Água

SANTA CATARINA

Atalanta: 23 de agosto, às 9h, no Colégio Dr. Frederico Rolla

Florianópolis: 25 de agosto, às 15h, no Largo da Catedral

Joinville: 24 de agosto, às 15h, na Praça da Bandeira

Chapecó: 24 de agosto, às 15h, Praça Coronel Bertaso

SÃO PAULO

São Paulo: 23 de agosto, às 18h, no MASP

Ribeirão Preto: 24 de agosto, às 14h, em frente à Esplanada do Theatro Pedro II

São Carlos: 24 de agosto, às 15h, na Praça São Benedito

Campinas: 24 de agosto, às 16h, na avenida Francisco Glicério

Marília: 24 de agosto, às 10h, Represa Cascata

Bauru: 24 de agosto, às 15h, Bosque da Comunidade

Santos: 23 de agosto, às 17h30, na Praça das Bandeiras

Sorocaba: 24 de agosto, às 15h, Praça Coronel F. Prestes

Santo André: 31 de agosto, às 12h, Prefeitura

SERGIPE

Aracaju: 24 de agosto, às 14h, Praça General Valadão

TOCANTINS

Palmas: 24 de agosto, Praça Girassóis

(Foto: COMUNICACIÓN POPULAR/TWITTER)